8 de fevereiro de 2015

Perdidas News: Você pode perder o bloco, mas não precisa ficar de fora da folia

Em Olinda, quem dá o ponta-pé inicial é o Galo da Madrugada... Na terra de Jorge Amado o clima esquenta com os blocos de axé... E na Cidade Maravilhosa, passa ano... entra ano... e os blocos de rua no Rio estão cada dia mais cheios. Com a cidade lotada de turistas que vem conferir o "maior espetáculo da Terra", muitos cariocas optam por fugir da agitação desses dias de folia, mas para um bom leitor, a melhor fuga é sempre para as páginas de um bom livro. 
Mas... você, caro folião recluso, não precisa ficar totalmente de fora dessas festas. Que tal passar os dias de folia lendo sobre esta festa profana.
Faltando uma semana para o início das festividades, proliferam nas livrarias livros cujo o tema é o Carnaval.

Então, se você não esta no espírito para escolher uma fantasia, entre no clima do carnaval escolhendo uma companhia literária para esses dias de folia.

Gabi decide passar o carnaval com as primas no Recife: praias, música, amigos, sol, diversão... A receita ideal para Gabriela curar a dor de cotovelo depois de ver o ex-namorado beijando uma garota. Para falar a verdade, ela nem gostava mais dele, e era capaz de enumerar seus defeitos sem pestanejar; mas vê-lo assim aos beijos mexeu com o coração da menina. Decidida a esquecer o ex de uma vez, Gabi faz as malas e deixa o Rio para uma semana de muita curtição no Nordeste. Ela só não contava com a possibilidade de se apaixonar de verdade em pleno Carnaval! Carnaval conta a história de Gabi, Felipe, Pedro, Juju e Bel, e de um Carnaval inesquecível emoldurado pelas belezas de Pernambuco. Em meio a festas animadas, shows, esticadas até Porto de Galinhas e deliciosos mergulhos e banhos de piscina, Gabi acaba se envolvendo com Pedro, um garoto superfofo e gente boa. Mas quem vai mexer de verdade com o coração da menina é Felipe, pena que ele não esteja solteiro... Apesar das confusões à vista, a química entre Gabi e Felipe é mais forte, e os dois vivem um intenso amor de carnaval. Mas será que esse amor tem chances de sobreviver ao tempo e à distância, quando a quarta-feira de cinzas chegar, e com ela os últimos dias da viagem de Gabi? Carnaval é um romance juvenil com o qual qualquer adolescente vai se identificar.

O carnaval carioca deve muito a Hiram Araújo. Munido de paciência, dedicação e, sobretudo, carinho pela mais importante festa brasileira, este incansável pesquisador vem reunindo, junto a si, um conjunto valioso e único de informações sobre o carnaval. É exatamente um vasto apanhado de boa parte de todo esse conhecimento que compõe a obra 'Carnaval - seis milênios de história'. Além de constituir-se numa leitura interessante e divertida para o público em geral, o livro reúne material básico e indispensável a quem quer que se decida a pesquisar o carnaval.
          Confira a resenha deste livro, clicando aqui.





O livro de ouro do carnaval brasileiro, de autoria de Felipe Ferreira, aborda a festa carnavalesca do Brasil sob um enfoque moderno, relacionando as modificações por que passou o carnaval com os diversos momentos da história cultural do país. Obra de referência, o livro traça um perfil do carnaval brasileiro bastante diferente das obras publicadas até o momento. O texto procura fugir do perfil evolucionista através do qual a festa carnavalesca costuma ser abordada destacando as complexas interinfluências que organizam e reorganizam continuamente as brincadeiras carnavalescas no país. O livro é dividido em seis grandes núcleos temáticos: Era uma vez: Aborda a história do carnaval desde seu surgimento na Idade Média até sua fixação como festa popular no século 19 e discute as diferentes concepções sobre carnaval. Entrudo: o carnaval antes do "Carnaval": Fala sobre as festas que aconteciam dos dias de carnaval durante o período colonial brasileiro, chamadas genericamente de "entrudo". Destaca as variadas formas que essas comemorações adotavam nas cidades brasileiras através dos anos diferenciando o "entrudo familiar" do "entrudo popular". Bailes e passeios: Mostra a ascendência do carnaval europeu, principalmente o francês, na formação da folia brasileira. Ressalta a influência dos bailes mascarados e passeios de carruagens, importados de Paris no ínicio do seculo 19, no surgimento das sociedades carnavalescas. A batalha das ruas: Credita à população do Rio de Janeiro, que adere maciçamente ao novo carnaval, a transformação da festa sofisticada ao estilo francês na grande pândega nacional. Uma festa nacional: Mostra o caminho percorrido pelo carnaval, no ínicio do século XX, que em poucas décadas deixa de ser uma simples brincadeira popular para assumir o posto de grande expressão da nacionalidade. Brasil pandeiro e outros samba: Destaca a relação do carnaval com diversos interesses — políticos, econômicos, culturais — e sua progressiva oficializaçõ, traduzida pela elevações do samba ao grande ritmo do país. Muitos carnavais: Fala sobre o surgimento dos diferentes "carnavais" no Brasil, com destaque para a formaçõs das escolas de samba, no Rio de Janeiro, dos grupos de frevo, em Pernambuco e dos trios elétricos, na Bahia. Ao final, o livro propõe uma pequena cronologia do carnaval no Brasil e sugere algumas obras a serem lidas para quem quiser se aprofundar no tema.

O mais antigo samba é de 1964; o mais recente, de 1993. Em forma de deliciosas crônicas, o autor destaca como o talento do compositor popular contribuiu para a glória do carnaval carioca, evidenciando as circunstâncias em que os sambas nasceram, cumpriram a sua finalidade na avenida e tornaram-se imortais, uma vez que são lembrados até hoje. O enredo do meu samba valoriza a cultura do samba-enredo, produto incontornável do encontro, do diálogo, das parcerias, do movimento orgânico dos terreiros, das quadras cheias e das disputas emocionantes pela vitória.







O livro livro "Pra tudo começar na quinta-feira" tem ilustrações inéditas do carnavalesco Fernando Pamplona e faz uma leitura inovadora sobre o Carnaval carioca a partir dos enredos das escolas de samba e seus carnavalescos. O livro se divide em duas partes: na primeira, os autores analisam, a partir de uma vasta pesquisa, a relação dos enredos das escolas de samba com o contexto histórico, político e social do País. A segunda parte trata do papel dos carnavalescos para as escolas de samba do Rio de Janeiro. Antes vistos como "intrusos" nas comunidades, estas figuras se tornaram peças-chave no processo de desenvolvimento e inovação dos desfiles ao longo dos anos. Nomes como Fernando Pamplona, Joãosinho Trinta, Arlindo Rodrigues, Fernando Pinto, Rosa Magalhães, Renato Lage, Paulo Barros, Maria Augusta Rodrigues, Julinho da Mangueira, Viriato Ferreira e Max Lopes são retratados em sua genialidade, criatividade e inovação.

E vocês? Já leram algum livro que abordasse essa mega manifestação cultural típica brasileira? Algo que falasse sobre o frevo; o carnaval carioca... Contem pra gente!

8 comentários

  1. Parando para pensar aqui, nunca li nenhum livro que tenha o carnaval como tema. Então adorei as dicas, com certeza vou procurar algum desses para ler nesse ano, já que pretendo ficar em casa.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Mds, essa é nova para mim kkkk
    Não tinha a menor ideia que havia livros que falavam ou envolviam diretamente o carnaval :O

    ResponderExcluir
  3. Carnaval, seis milênios de história e Carnaval Brasileiro foram os que mais me interessaram. Parecem conter informações bem interessantes.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de fevereiro. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  4. Ainda não li nenhum livro que aborde o carnaval, mas depois dessas dicas, vou escolher algum e quem sabe ler até no fim de semana. Acho que vou gostar bastante.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Amo o espírito carnavalesco e o feriado de Carnaval, mas não gosto muito de "pular" Carnaval. Prefiro ficar em casa, lendo um bom livro. Sempre gostei também da história e origens do Carnaval. Os livros parecem ser muito bons para contar esta históra do Carnaval. Os que eu mais me interessei foi "O livro de Ouro do Carnaval Brasileiro" e "Carnaval", da Luiza Trigo.
    Valeu por postar esta seleção de livro para a gente Natália, muito bom!
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Sobre Carnaval? Esta nova para mim. muito bom lermos para saber a respeito deste assunto que vai no mundo inteiro.

    ResponderExcluir
  7. Pior que nunca li nada com Carnaval. E confesso que não consigo ler algo que seja ambientado no carnaval em outra época do ano. Ou seja, essas dicas estão anotadas, mas só lerei no próximo ano. kkkkk

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para o blog! Pois graças a ele, sabemos o que vem achando dos nossos posts. Se chegou até aqui para comentar, já agradecemos o seu carinho! Ah... E volte sempre! ♥