5 de junho de 2015

Red Hill por Jamie McGuire

Red Hill - Livro I 

Autora: Jamie McGuire 
ISBN-13: 9788576863380
Ano: 2015

Páginas: 350
Editora: Verus

Classificação: 
Para Scarlet, cuidar de suas duas filhas sozinha significa que lutar pelo amanhã é uma batalha diária. Nathan tem uma mulher, mas não se lembra o que é estar apaixonado; a única coisa que faz a volta para casa valer a pena é sua filha Zoe. A maior preocupação de Miranda é saber se seu carro tem espaço suficiente para sua irmã e seus amigos irem viajar no fim de semana, escapando das provas finais da faculdade. Quando a notícia de uma epidemia mortal se espalha, essas pessoas comuns se deparam com situações extraordinárias e, de repente, seus destinos se misturam. Percebendo que não conseguiriam fugir do perigo, Scarlet, Nathan, e Miranda procuram desesperadamente por abrigo no mesmo rancho isolado, o Red Hill. Emoções estão a flor da pele quando novos e velhos relacionamentos são testados diante do terrível inimigo – um inimigo que já não se lembra mais o que é ser humano. O que acontece quando aquele por quem você morreria, se transforma naquele que pode lhe destruir? Red Hill prende desde a primeira página e é impossível deixa-lo até o final surpreendente. Este é o melhor da autora Jamie McGuire! 

Neste livro, nós iremos acompanhar várias histórias ao mesmo tempo que em determinado momento irão todas convergir para o mesmo local: o rancho Red Hill

Primeiro conhecemos Scarlet, uma técnica de raio x que acaba em uma busca desesperada pelas duas filhas quando o apocalipse zumbi acontece. Ela não medirá esforços para conseguir ter seus "bebês" de volta, e trata-se de uma personagem muito forte.

Depois somos apresentados a Nathan e Zoe. Quando todo o caos começa, Nathan esta buscando a filha Zoe, que possui uma certa dificuldade de interação na escola. Porém, quando eles voltam pra casa, para buscar a mãe de Zoe e fugir, descobrem que ela os havia abandonado. A partir desse momento, Nathan e Zoe partem em busca de um lugar seguro, mas isso não será nada fácil...

Miranda e Ashley são irmãs, e filha do médico do dono de Red Hill. Elas estão viajando para passar o fim de semana com o pai e levam seus namorados - Cooper e Bryce - com elas. Porém, no meio do caminho, elas percebem que o mundo esta sendo tomado por zumbis e apesar de saberem que o rancho Red Hill deve ser o lugar mais seguro no momento, e que o pai delas deve estar esperando por elas no rancho, chegar até lá não será nem um pouco fácil...

No meio do caminho, ainda seremos apresentados a outros personagens fantásticos, com suas histórias tocantes e que irão se integrar a esse grupo. Porém, o grupo principal é esse.

Eu vou ser bem sincera. Quando chegou as news do Grupo Record e eu vi esse livro, eu nem perdi tempo lendo a sinopse, pois como se tratava de mais um livro da (diva) Jamie McGuire, eu sabia que iria gostar.
Porém, tive uma grande surpresa quando eu comecei a ler e me deparei com um enredo de zumbis!

Sério gente... eu mandava fotos de partes do livro pro Diego (que ama essa coisa de zumbis); eu lia uma parte do livro e depois olhava a capa, meio que pra conferir se era da autora que eu achava mesmo. E fiquei pensando: O que aconteceu com aquela autora que me conquistou com Belo Desastre e com Travis "Cachorro Louco" Maddox? É a mesma pessoa escrevendo?!

Sim! É a mesma autora!
E sim, ela decidiu se arriscar em um gênero completamente diferente do que a consagrou e tirar nós, leitores, da nossa zona de conforto! E quer saber de uma coisa? Ela conseguiu!

Vejam bem...
Eu não leio livros de zumbis.
Primeiro porque eu não curto seres sobrenaturais. Isso é o departamento da Laisy.
Segundo porque eu não curto terror e acho tudo nesse gênero muito violento. Esse é o departamento do Diego.
O máximo que eu cheguei perto de zumbis foi assistindo a série The Walking Dead (eu não li os livros) e mesmo assim eu viro a cara pra não ver algumas cenas nojentas... #prontofalei

Então, para quem é fã do gênero, pode achar este livro fraco na questão "zumbiesca". Mas para quem não é familiarizada com os bichinhos (como eu), é uma forma light de ter o primeiro contato com eles.
Você fica tenso, tem toda a correria referente ao apocalipse zumbi, personagens queridos morrem (afinal, é o apocalipse galera!!!!), mas esse não é o foco.
Na verdade, é visível que a autora, apesar de ter mudado o estilo, continua focando no desenvolvimento pessoal e nos relacionamentos dos personagens. A questão dos zumbis é o pano de fundo de várias histórias de amor, amizade, companheirismo e superação.

Uma coisa que chamou minha atenção é que em algumas partes a narrativa não é cronológica, o que no início me fez voltar algumas páginas, mas depois que eu entendi que o que eu estava lendo era a visão de um novo personagem para um fato que já tinha acontecido no capítulo anterior, eu entrei no ritmo e foi tranquila a leitura.

Como eu não tenho o costume de ler sobre zumbis, eu não conseguia parar de ler, pois precisava saber o que iria acontecer a seguir, e como a autora iria juntar a vida de todos esses personagens.
E eu consegui ler o livro todo sem pular nenhuma parte gente!!! Sem pular a parte dos zumbis!!!
#sentindovitoriosa

Esse é um livro completo, com amores, encontros, desencontros, drama, tragédias e ação. Jamie McGuire provou mais uma vez que é diva e que consegue escrever sobre qualquer coisa. E pelo visto teremos uma continuação deste livro!
Nem preciso dizer que estou ansiosa, né?





9 comentários

  1. Louca, eu estou completamente louca por esse livro. Ele foi apresentado no mochilao da record, e eu quero ele o mais rapido possivel..

    ResponderExcluir
  2. oi flor, que mudança de enredo da Jamie, em Belo desastre um romance avassalador e em Red Hill uma trama apocalitica com zumbis e tudo mais! acho a proposta interessante e dinâmica, muito atrativa, mas não creio que fluiria para mim, essa coisa de zumbis e tal me deixa receosa, como sempre torço o nariz para esses elementos não creio que ia me aventurar
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, Natália.
    Vamos recapitular: você não gosta de livros de zumbis, não gosta de terror e não gosta de livros sobrenaturais e mesmo assim amou o livro? Então qual a possibilidade eu gostar, que gosto de tudo isso? Sem falar que zumbis é definitivamente a minha área!
    Nem preciso dizer que sua resenha me ganhou sem dificuldades, não é mesmo? Quero muito conhecer a obra e mais ainda saber o que esse rancho tem de especial.
    Excelente resenha!

    Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de junho. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  4. Natália, realmente é bem diferente do que vimos em Belo Desastre.
    Eu sou bem parecida com você quando se trata de zumbis e afins.
    Então eu sinceramente não sei se conseguiria ler. :/

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  5. Hello!!
    Eu vi o lançamento do livro e já tinha me interessado.
    Eu gosto de estórias que envolvam magia, sobrenatural e mistério, mas terror nao...morro de medo!!!
    Mas acho que esse livro não vai me dar medo e acho que vou gostar. Gostei da ideia de contar vários personagens principais, que de uma forma depois vão se juntar.
    Nao conheço ainda a autora, mas pela sua empolgação ela é mto boa!
    Vou tentar ler com certeza!
    Bjus

    ResponderExcluir
  6. Uau!!!!
    A autora surpreendeu com a história desse livro. Quando comecei a ler sua resenha,pensei que se tratasse de mais um livro de romance.
    Apesar de não curtir tramas onde tenham zumbis,fiquei com vontade de ler esse.
    Parece ser cheio de ação.
    Esse eu vou ler!

    ResponderExcluir
  7. Eu amo livros de zumbi, essa coisa de apocalipse de fim de mundo. Logo que vi essa sinopse e capa, me encantei. Que bom que você adorou e que a autora surpreendeu, porque mostra que ela tem várias facetas. Depois dessa resenha estou ainda mais empolgada. Será a minha próxima compra, com certeza. Não vou aguentar esperar.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Ontem li uma resenha que me deixou bem interessada no livro, e hoje vem você e completa o serviço.
    Bjs,Rose.

    ResponderExcluir
  9. Livro de fim do mundo é tudo de bom ;D
    Adoro esse tipo que te prende até o fim e é cheio de conflitos.
    Gostei desses tons avermelhados na capa, dão aquele "quê".

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante para o blog! Pois graças a ele, sabemos o que vem achando dos nossos posts. Se chegou até aqui para comentar, já agradecemos o seu carinho! Ah... E volte sempre! ♥